Escola em Tempo Integral

A Educação em Tempo Integral adotada pela SEDU para o Estado do Espírito Santo, prioriza a melhoria da qualidade da educação, tendo por objetivo ampliar o tempo de permanência do estudante, os espaços escolares e as oportunidades de aprendizado. Com isso, visa-se a formação integral de crianças, adolescentes e jovens para construção do seu Projeto de Vida, pautado na integração dos três eixos: formação acadêmica de excelência, formação para vida e formação para competências do século XXI. Sem predominância de uma sobre a outra, juntas elas devem prover as condições necessárias para que o educando possa se posicionar de forma autônoma, solidária e competente.

Desse modo, a concepção de Educação Integral reconhece que o desenvolvimento pleno de um indivíduo só é possível quando se observam suas diferentes dimensões formativas. Além dos aspectos cognitivo e intelectual, os processos pedagógicos também precisam articular as dimensões física, afetiva e socioemocional, social e cultural. Isso significa que, para além do desenvolvimento intelectual, o ensino integral deve se ocupar também do aspecto multidimensional humano. É a junção dessas diversas dimensões formativas que atua de maneira propulsora para o desenvolvimento dos estudantes.

Portanto, o modelo pedagógico da Educação em Tempo Integral implementado na Rede Estadual de Educação do Espírito Santo dialoga diretamente com a visão plural e multidimensional do estudante proposta na BNCC considerando que a Educação Básica deve estimular o desenvolvimento do estudante na sua totalidade e potencialidade.

Atualmente, a Educação em Tempo Integral da rede pública estadual é ofertada para o Ensino Fundamental Anos Finais e para o Ensino Médio.

Materiais de Referência